Início > Brothers & Sisters, Brothers and Sisters, Rob Lowe, Sarah Jane Morris > Brothers and Sisters: Julia (3×22)

Brothers and Sisters: Julia (3×22)

Apesar de o episódio levar o nome de “Julia” e ter sido vendido com o grande momento de Sarah Jane Morris na série, atriz quase nem apareceu, mas em seus poucos momentos à frente das câmeras me perguntei novamente o porquê nunca a terem dado espaço.

É fato mais que claro que Morris é extremamente mal aproveitada e seu grande momento em Brothers & Sisters, além de ter sido o único, aconteceu na reta final da 1ª temporada com a morte de seu filho e em seguida a isso a atriz voltou a cair no esquecimento. Se a Julia realmente irá sair da série isso é algo que eu não sei (os spoilers de Brothers & Sisters são extremamente broxantes), mas enfim é fato que a Julia foi embora (mesmo que por algum tempo) e/mas, se eu fizesse parte da assessoria da atriz a orientaria a nunca mais voltar para a série.

Com Sarah Jane sendo subaproveitada quem ganhou espaço foram Holly e Ryan, Nora e Kevin, além de Kitty e Robert.

Realmente tenho que admitir que a Holly é uma víbora, a típica vilã de novela das oito e com direito à todos seus clichês, mas, contudo eu não consigo não gostar da personagem, eu até a entendo, mas já o Ryan, eu odeio, o personagem é odioso e isso como eu já disse, nos mostra como Brothers & Sisters é uma série bem apresentada e construída, já que eles nos fizeram amar a Rebecca, a primeira bastarda e odiar o Ryan, o segundo bastardo.

Adorei ver a Becca nos últimos minutos do episódio indo falar com o Justin sobre o Ryan, mas só estranho uma coisa, mesmo com a Holly fazendo as coisas (nem tão) erradas e extremamente estranho ver um filha agir contra a mãe todo o tempo, Rebecca está mais parecendo uma espiã do que uma filha.

Já Nora e Kevin administraram toda a situação da saída/mudança da Julia. Kevin veio mostrando-se um excelente pai, pois desde que ele descobriu sobre a real paternidade da Elizabeth não teve como ele não se envolver e tudo ficou ainda mais complicado após a fuga do Thommy, que havia prometido se um pai maravilhoso e presente e com isso fez o Kevin assinar aquele contrato. Ma, cortando todo o lenga-lenga futuro e facilitando tudo, a Julia prometeu que iria contra a Elizabeth a sua verdadeira paternidade.

Kitty e Robert vêm desenvolvendo o fim do casamento há tempos e agora com a descoberta da paixonite da mulher tudo ficou pior e ainda mais por ser o Robert o único que estava lutando para manter o casamento em pé e como eu já disse, eu realmente espero que os dois fiquem juntos, pois além de Rob Lowe ser ótimo, não conseguir ir com a cara desse novo affair da Kitty.

E esse foi mais um episódio de Brothers and Sisters e apesar de ter sido mais fraco que os anteriores serviu para preparar o terreno para algo maior. E mal posso esperar que essa história da entrada do Ryan na Ojai chege aos ouvidos da Sarah.

  1. 3 maio, 2009 às 1:09 pm

    Também não gostei do affair da Kitty! Já nem gostava dele em “Eli Stone”, aqui então, pior ainda. Prefiro ela com o Robert. Vai ser sacanagem se separarem eles, acabaram de adotar, o guri nem abre o olho direito ainda e ela já quer se separar! espero que seja uma fase só!

    E a questão da Rebecca tá sempre contra a mãe, eu acho que tem muito a ver com os desentendimentos delas no passado. Ela perdoou a mae, aparentemente, mas sempre fica com um pé atras.

    E não queria que a Julia saísse, gosto da personagem. E da atriz, claro! =p

  2. 3 maio, 2009 às 2:51 pm

    Eu gostei de Kitty com Alec, nao algo para a vida toda pois acho que ela deve ficar com Robert, mas o casemanto dos dois precisam passar por algo mesmo ta tudo errado naquele matrimonio, ninguem é feliz, toda aquela magia amorosa que o casal tinha quando namoravam parace ter desaparecido.
    sempre gostei bastante de Julia e acho que esse episódio foi criado exatamente para nos despedirmos de seu personagem nao acredito que ela volte a participar da serie a unica que pode voltar ali é Elizabeth devido sua relaçao com Kevim.

  3. 4 maio, 2009 às 11:35 am

    Parece que eu sou das poucas pessoas que torce pro bofe do parquinho. Adorei o Alec e, a não ser que o Robert deixe de ser sacal, vou achar uma pena não desenvolverem esse caso.
    Kevin pra mim, the best of best, sempre. Sarah idem, apesar de terem dado muito pouco foco nela.
    Ryan, na minha opinião é tão Crepúsculo.Sei lá, ele tem uma cara de vampiro. Ou algo assim, bem sangue suga.

    PS* Estou linkando vcs lá no blog!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: