Início > Terminator: The Sarah Connor Chronicles > Terminator – The Sarah Connor Chronicles: Adam Raised a Cain

Terminator – The Sarah Connor Chronicles: Adam Raised a Cain

tscc-221-1425

“Brilhante”! Essa é a palavra que se encaixa perfeitamente para descrever esse episódio e todos os acontecimentos dele. E “triste” é como eu me descrevo após saber que a série, que chegou ao seu auge com este episódio, foi cancelada*.

Após saber que a série havia sido cancelada, fui assistir “Adam Raises a Cain”, não tinha muitas esperanças e também nem estava ciente de que esse era o penúltimo episódio da série, para mim haveria mais um, somando dois e completando 23 episódios, mas não vai haver, esse episódio foi o penúltimo e deixo vários ganchos para uma series finale espetacular.

Quem poderia esperar que Savannah e John Henry teriam tanto destaque assim em um episódio pré-series finale? É fato que algo realmente grandioso teria que acontecer para fazer que tudo que foi adiado durante uma temporada toda acontecesse, mas deixar isso na mão dos dois personagens foi bem arriscado, quase que um tiro no escuro, contudo, certeiro.

O destaque que os dois personagens vinham ganhando durante esses últimos episódios causou estranhamento, mas havia química, a garotinha indefesa e o robô meio que ingênuo, era engraçado e tenso ao mesmo tempo. Na realidade o que importava era o resultado satisfatório e sinceramente, no meio das loucuras da Sarah isso parecia tão mais agradável e interessante, e na realidade foi tudo isso.

Todas as cenas de Savannah e John Henry foram bem conduzidas, os dois são realmente talentosos, destaque total para a garotinha que não deve ter nem seis anos de idade. Não posso deixar de forma alguma de comentar a última cena do episódio. Simplesmente, brilhante. Sarah Connor sabe me pegar nessas cenas, uma música estranha, mas que no contexto acaba ficando perfeita e com uma seção de imagens ótima. Mas desta vez a música e a cena em si tenha um quê a mais, ela era cantada pelos dois personagens, com direito a um solo inicial com John Henry e um final com Savannah, simplesmente perfeito.

Mas apesar de Savannah e John Henry terem sido o maior destaque do episódio o espaço de Sarah Connor, Cameron, John e Derek ainda estavam lá, o que torna o episódio ainda mais delicioso, já que é uma mania feia da produção centrar-se somente em um grupo, mas desta fez foi completo.

A morte do Derek foi simples, rápida e quase sem nenhuma repercussão, não consigo avaliar se isso foi bom ou ruim, simplificar foi ótimo, poupou tempo, mas eu adorava o Derek e algo a mais deveria ser feito, algo que não pegasse muito tempo é claro. Ah, aquela cena das cinzas (?) numa caixinha não conta, queria um pouco mais.

John e Cameron não tiveram muito destaque, mas sinceramente [2] eu nem liguei. John ficou cuidando de Savannah e descobriu sobre John Henry. Já Cameron em suas poucas cenas estava perfeita, adorei quando ela invade o carro do Agente Elisson e o faz ir ao encontro de Sarah.

Já Sarah Connor, a grande protagonista da série roubou a cena nos últimos minutos quando foi presa e espancada. Achei tão tensa essa cena! Mas acho que o melhor de Lena Headey fica para o próximo episódio, a series finale, vai ser tão triste e ainda mais tenso, mal posso esperar.

* O cancelamento da série ainda não foi confirmado pela FOX, mas isso é inevitável, a emissora americana aguentou uma temporada inteira de médias de 3 milhões, um número muito baixo. Correm boatos que a emissora está esperando chegar maio para confirmar o cancelamento.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: