Início > gossip girl > Gossip Girl, 2×13: O Brother, Where Bart Thou?

Gossip Girl, 2×13: O Brother, Where Bart Thou?

gg213-0022

Me arrisco a dizer que Gossip Girl teve seu melhor desempenho nesta sua atual temporada. Também não é para menos, o episódio soube dar o devido destaque a cada personagem, além de ter tido o seu maior momento OMFG até agora.

Passei todo o episódio esperando para saber qual era o segredo de Lily Bass. Por qual motivo essa mulher – que já até confessou que não era nenhuma santa nos seus nem tão longínquos tempos de adolescente – teria sido internada em uma clinica de repouso. Confesso que antes da verdade ser revelada, eu não consegui formar muitas teorias e até cheguei pensar que esse seria mais um splot bobo de Gossip Girl, mas não foi.

Pelo que eu me lembro à vovó da Serena havia se tornado boazinha, não? Ela até tinha ajudado o Dan a encontrar a S em um dos primeiros episódios da temporada, ou sonhei isso? Acho que não. Então por qual motivo a velhinha foi se intrometer de tal maneira na relação Lily/Rufus. E, pensando nessas coisas que não tem respostas. Porque o detetive do Mr. Bass não entrou em contato diretamente com a Lily? Bem, na realidade isso não importa, porque nessas situações os meios justificaram o fim desta trama.

O grande segredo de Lily Bass foi ter abortado um bebê que ela carregava de sua relação com o Rufus, muito provavelmente ela fez isso após ter se separado dele. E agora, praticamente vinte anos depois esse segredo chegou aos ouvidos dele. E fez com que o melhor romance da série, que finalmente iria deslanchar fosse água abaixo mais uma vez.

Toda essa trama deu destaque total à Kelly Rutherford. Coisa que eu já imaginava, pois a três episódios se falava sobre o grande segredo de Lily Bass. E ela não desapontou.

O outro desataque do episódio ficou nas mãos de Chuck Bass, que inconformado pela morte do seu pai – Que ele nem amava tanto assim – Se embebedou e foi dar vexame do em seu enterro.

Muito provavelmente não fui somente eu que achou que Chuck daria mais trabalho a Lily. Pareceu que foi coisa de momento de um garoto mimado – coisa que realmente ele é, mas… – Chuck foi tão bonzinho. Mas, também o discurso da Lily foi bom. Usar a imagem do falido, familiarmente falando, Bart Bass foi um golpe baixo. Até imagino o que uma pessoa na situação do Chuck pensaria em uma hora dessas: “Se eu fizer isso vou acabarei sozinho, mal amado e odiado pelo meu futuro filho”.

Ainda falando do Chuck e incluindo a Blair no assunto. Juro que pensei que finalmente eles iriam ficar juntos. E Blair até disse que o amava e foi tão lindo. Ele bêbado, ela o apoiando neste difícil momento, dizendo que o amava e após isso o consolando em sua casa. Mas, Chuck tinha de por tudo a perder! E por sinal, mais uma vez.

E como em todo review eu não poderia deixar de falar da minha queria Little Jenny. Sério que é tão fácil assim fazer as pazes com uma renomada designer da moda? Agora Jenny voltou a trabalhar para a Eleonor – Que casou com o Cirus neste episódio – E ainda por sim não sofreu nenhuma imposição de seu pai. As coisas mudaram, não?

Os outros personagens subsistiram no meio de tanto coisa boa. O dilema de Serena foi se ganhava mais um carimbo em seu passaporte. Garota vá para Argentina, coma churrasco e dance tango, depois se puder venha para o Brasil, veja umas mulatas sambar e assista a um jogo de futebol! E o meu maior conselho para você: Não volte para o Dan!

Gossip Girl encerou muito bem a primeira parte de sua segunda temporada. Apesar do pouco tempo de espera sinto que sentirei uma imensa saudade do pessoal de Manhattan. Então, os espero ansiosamente pelo retorno da série que será no dia 05 de Janeiro. E, não me desapontem! (Momento Gossip Girl)

Categorias:gossip girl Tags:
  1. 12 dezembro, 2008 às 9:10 pm

    Kelly e Ed deram um show de atuação, ofuscaram até a maravilhosa Leighton. Sem dúvidas, o melhor da temporada. Só fiquei na dúvida se Lily realmente fez uma aborto ou teve a criança e foi obrigada a dá-la em adoção (o quê explicaria ela acabar em um sanatório). Cece é muito cruel com filha mesmo. Não entendi qual foi a dela nesse episódio. Como se não tivesse sido ela que obrigou a Lily a fazer seja lá o quê ela com a criança (dúvido que não tenha sido ela). Serena pode, mas Lily não pode? Ah, por favor. A mulher já se casou quatro vezes com homens da high society e nas quatro vezes deu errado. Ela já deve ser mega milionária. O quê tem de mais ela namorar um pobretão se assim ela será feliz? Não me conformo do meu casal preferido não conseguir ficar junto, enquanto agente tem que aturar Serena e Aaron, Nate e Vanessa, e engolir que aquilo é amor.

  2. Alano Feitosa
    13 dezembro, 2008 às 12:30 am

    Episódio muito foda mesmo, muitas revelações epouca enrolação. Isso que gosto em GG. Nunca pensei que Blair fosse dizer que amava Chuck, mas quando penso que não, muita coisa acontece. Esperando ansioso pelo próximo episódio que será dia 5. e Cece foi maravilhosa neste episódio, uma vilã de primeira. O que ela fez com Serena foi tudo pensando na Lily. Deixar Serena com Dan no primeiro episódio para Lily não poder ficar com Rufus. e agora já que não tem Serena pra atrapalhar ela resolveu colocar mais um empecilho, O filho abortado. Sensacional.

  3. 13 dezembro, 2008 às 1:21 pm

    Também acho que o filho não foi abortado e sim colocado para adoção. Afinal, por que ela iria saber do sexo de um filho que não teve?

  4. gabriel05
    13 dezembro, 2008 às 1:47 pm

    Gostei muito deste episódio, para mim, o melhor desta segunda temporada…
    A história do Chuck foi maravilhosa, seu drama e tudo…Blair ainda dizendo eu te amo, foi demais…E os dois na cama ?
    O Ed fez sua melhor atuação até agora…
    Abraços…
    (www.seriescom.wordpress.com)

  5. 13 dezembro, 2008 às 11:42 pm

    Foi o melhor episódio, ou um dos melhores, desta temporada até o momento. Muito bom. E o final deixa um gostinho que só poderia ser sentido a partir de Janeiro. Essa evolução que a série teve, da primeira para a segunda temporada, foi importantíssimo para continuar criando fãs.

  6. 14 dezembro, 2008 às 3:18 pm

    Ai eu estou ansioso para começar a ver esta temporada de Gossip girl. Tenho saudades da Blair especialemente😉
    Abraço

  7. 16 dezembro, 2008 às 12:31 pm

    Eu achei esse episódio bom mas não o melhor da temporada, e sinceramente o segredo da Lily eu pensei que seria mais impactante. Destaco no episódo todas as cenas de Chuck e as dele com a Blair.

  8. Guilherme
    17 dezembro, 2008 às 9:50 am

    Por favor, alguem sabe qual o nome da musica que passa em um promo de Gossip Girl na warner channel?! é um que começou a passar recentemente.. mostra primeiro a blair e tals.. e um cara cantando e tals..por favor, se alguem souber, me mandem um e-mail. valew

  9. 19 dezembro, 2008 às 10:17 am

    Ainda não assisti, mas não tem aquele papo de ter um spin-off para Gossip Girl?? Dizem que seria protagonizado pela Lily e pelo Rufus. Sei lá, estranho isso, porque o público seria completamente diferente!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: