Início > desperate housewives > Desperate Housewives, 5×09: Me and my town

Desperate Housewives, 5×09: Me and my town

Como eu havia imaginado, o episódio passado prometia ser um divisor de águas nesta até a pouco tempo fraca, mas a partir de agora promissora temporada de Desperate. E, como não poderia deixar de ser o episódio mais uma vez foi de quem? Quem? Eva Longoria (Mister Emmy, olho nela!)

Eu não mudo uma palavra nas minhas críticas mais pesadas sobre os episódios passados da série. Mas, eu tenho que render-me, Me And My Town, foi um novo começo para a temporada da série. Muitas coisas aconteceram e o que ainda não aconteceu vai acontecer.

Por quanto eu tempo eu esperei esse retorno da visão do Carlos? Parece que faz cinco anos. Mas
falando sério, essa reviravolta não poderia ter vindo em melhor hora. Pois, todas as tiradinhas da Gaby sobre recuperar a boa forma e a boa aparência foram demais, e, esse foi um dos grandes fatos que me fizeram recuperar a fé na série, e, considera esse o melhor episódio da temporada até então.

Eva Longoria foi perfeita no episódio. Tanto em suas cenas cômicas, acabaram sendo a maioria, quanto em suas cenas melozinhas, entre ela e o Carlos na cama, mas nem lá ela deixou de ser engraçada, não? Gaby se tornou tão fodona ao longo das temporadas. Achei brilhantes os diálogos entre ela, Susan e Edie na varanda. E, sua malhação no hospital foi digna das minhas mais sinceras risadas! Essa temporada é ou não da personagem?

Outra que teve destaque nesse episódio foi Dana Delany, ela estava precisando, essa brilhante atriz não poderia passar o resto da temporada fazendo figuração de luxo. Mas, o melhor ainda está por vir, já vi algumas cenas liberadas pela ABC do próximo episódio, e, a coisa promete ser boa. Porém, ao mesmo tempo em que a Dana ganhou destaque, Nicollette voltou, novamente e figurar na série. Aliás, nem Dave apareceu muito. Mas, o que é dele está literalmente guardado. Só espero que ele não acabe virando um Applewhite da vida.

Bree foi outra que teve uma notável melhora em sua trama. Depois de começar bem a temporada, todos vimos que a trama da Marcia começou a decair. Mas, acho que ela irá receber um up. Não pela história do ronco do Orson, que por sinal só serviu para nós apresentar a grande história que está por vir, o novo namorado do Andrew. Com isso todos envolvidos na trama saem ganhando. Provavelmente ele voltará a ter um bom destaque – Andrew era tão legal nas duas primeiras temporadas – E, sua mãe, que agora se tornou um liberal, vai começar a conviver com novas situações, e, mais alguém ira aparecer por ai.

Apesar da trama da Lynette não ter sido tão boa. E, eu ter percebido que esta temporada ela irá ser obrigada a dividir a atenção com seu filho, Porter. Eu consegui ver uma ligeira melhora. Essa coisa de um não mentir para o outro e a Lynette ter mentido vai conseguir arrancar algumas boas histórias. Tenho certeza que logo ela começará a sentir-se culpada, fora que eu não duvido que logo, logo, Porter irá preso. O que fará a personagem se tornar completamente desesperada. Também não está fora da minha mente a possibilidade de ver o retorno da Anne. Não sei por que, mas DH adora trazer tramas ruins à tona novamente.

A única que não teve o mesmo destaque que as demais foi Susan. Que passeou entre as histórias da Katherine e da Gaby. Também, nem fez falta. Apesar de que eu achei a Teri bem engraçadinha neste episódio. Outras que não apareceram foram Karen e sua irmã, mas cá entre nós, quem sentiu falta?

  1. 4 dezembro, 2008 às 9:17 pm

    A Eva Longoria deu um show nesse episódio, mas a Marcia Cross me chamou bastante atenção na cena em que está dopada, simplesmente adorei.

  2. 5 dezembro, 2008 às 6:48 am

    Hum, a loucura de Desperate Housewives é a quantidade de tramas envolvidas…muita coisa junta!!

    Eva Langoria nunca foi das minhas preferidas, achava a personagem meio limitada – era a mulher interesseira e egoísta – , mas não é que conseguiram dar um jeito?

  3. 5 dezembro, 2008 às 12:33 pm

    Que bom, parece que gora pararam de colocar assasinos em DH =P

    Abração.

  4. 5 dezembro, 2008 às 5:04 pm

    vmos la ruma a campanha emmy para Eva Longoria
    realmente essa temporada é dela e ninguem tira
    so me doi ver Lynette e Bree minhas personagens favoritas tao apagadas, mas essa temporada me fez olhar pra Gaby de um jeito como nunca olhei, ela tem sim potencial, tanto que vem desbancando todas as donas de casa…

  5. jvandekamp
    5 dezembro, 2008 às 8:10 pm

    Parece que o episódio agradou a muita gente! Eu já o tinha visto antes de ler esta review, e voltei a assistir, pois eu não o tinha achado nada de especial (aliás, pensava que DH continuava a enterrar-se). Mas fiz bem em assistir de novo. Prestei melhor atenção e até é capaz de ser um “novo começo”.
    Quanto ao Emmy para a Eva Longoria… Não sei não.. Ela tem estado fabulosa nesta temporada (já na outra ela me surpreendeu). Mas não se esqueçam que ela foi “ignorada” este ano com uma submissão fantástica (“In Buddy’s Eyes”), que eu jurava mesmo que ela ia ser indicada. E além disso ela foi a única das quatro actrizes a nunca ser indicada. Eu sou completamente a favor de um Emmy para a Longoria, pois ela merece, e a sua actuação tem vindo a evoluir desde o ínicio da série, e esta 5ª Temporada é uma prova disso. Mas fico mais feliz se vir o Emmy nas mãos da Marcia Cross !!

  1. 5 dezembro, 2008 às 2:52 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: