Início > Queer as Folk > # Canceled/Ended: Queer as Folk.

# Canceled/Ended: Queer as Folk.

Lembram do jogo da velha? Então, está no ar, mais um nova seção prometida ao blog. Só para constar a seção “Canceled/Ended” irá nos lembrar daquelas série cancelas ou finalizadas, aquelas que nós deixam saudades e nos fazem querer ver uma nova temporada ou então aquelas que marcaram época. E, para começar com o pé direito vamos começar com uma ótima série polêmica, existe algum melhor exemplo para isso que Queer as Folk.

Todos os blogueiros de série sempre expões seus guilty pleasures, alguns dizem que é Gossip Girl, outros CSI, eu já vi todo tipo de guilty pleasure. Mas, alguém me diz, pode existe algum guilty pleasure maior que Queer as Folk?

Para que não conhece a série – Coisa que eu acho difícil, já que eu aposto que todo mundo já viu ao menos uma cena da série – Queer as Folk, conta de uma ótima e a mais natural possível forma a história de cinco homens gays e um casal de lésbicas. A série foi adaptada de uma série inglesa homônima, e foi exibida nos Estados Unidos pela Showtime, já dá para imaginar o liberdade que o roteiro teve, não?

Confesso que só consegui assistir a primeira temporada de Queer as Folk, um motivo de eu ter parado de ver a série foi a falta de tempo e outro era saber que ela iria acabar – Eu sei que todas as série acabam, mas com QAF foi diferente -, quem assistiu a série sabe, a trama é ótima, os personagens cativantes, e eu não estava disposto a parar de velos, pelos não ter certeza que eu nunca mais iria vê-los. Então, parei de ver a série, mas pelo menos eu sei que os episódios estarão aqui na internet, a minha disposição para a hora que eu quiser matar as minha saudades de Brian, Justin, Mel, Lindsay, Emmelet, Michael, Ted.

Quem pensa que a série abusou do sexo, está enganado – Talvez no piloto eles tenham abusado um pouquinho – Mas, Queer as Folk tratava de temas sérios, preconceito, aceitação, família, casamento gay, abuso e uso de drogas, filhos em relacionamentos gays. Um prato mais que cheio para quem gosta de um drama.

O cenário principal da série era a cidade americana de Pittsburgh, para ser mais preciso o cenário principal da série era uma boate chamada Babylon que se situava na cidade de Pittsburgh, e claro que também a Avenida da Liberdade. O personagem principal da série era Brian Kinney (Gale Harold), ele era uma espécie de lenda viva da Babylon, e foi em um dia comum como qualquer outro, que ele resolve sair com um garoto que ele nunca tinha visto, Justin Taylor (Randy Harrison), e depois desse dia a vida desse grupo de amigos nunca mais foi a mesma.

Após o termino da série os atores do elenco nunca mais conseguiram repetir o mesmo sucesso, talvez porque tenham ficado com o esteriotipo de personagens gays. O único que se destacou mais um pouco foi Gale Harold, já que recentemente ele participou de Grey’s Anatomy e agora entrou para o elenco de Desperate Housewives. Randy Harrison segundo o IMDB nunca mais participou de nenhuma série, e, Thea Gill só consegui voltar as série em Dante’s Cove, uma série sobrenatural gay.

Queer as Folk foi uma série que marcou época, conquistou um legião de fãs e que concerteza ninguém irá esquecer dela por seu pioneirismo.

Abaixo a abertura da série, que no Brasil ganho o lamentável nome de “Os Assumidos” quando foi exibido pela Cinemax. Então, “One, two, three, four…” [Se alguém achar essa abertura demais, fiquem sabendo que eu peguei a mais relax de todas as temporadas da série]

E, agora, a promo da 1ª temporada da série.

Categorias:Queer as Folk
  1. Marco
    24 junho, 2008 às 11:05 pm

    Só comentando que adorei o seu novo layout! Muito bom!🙂

  2. lano
    28 julho, 2008 às 12:51 am

    nao existe nada igual na Tv como QAF
    Espero que vc tenha tomado coragem de ver até o fim. Estou terminando a 5 temporada, e quando acabar… voltarei a ver tudo denovo. again again again. E nao sei quantas vezes mais até minha morte.

  3. 30 agosto, 2008 às 3:17 pm

    solicitacao da serie em legenda

  4. 30 agosto, 2008 às 6:56 pm

    Entra na IsLifeCorp lá tem… Pelo menos tinha.

  5. 9 setembro, 2008 às 4:07 pm

    NOSSA CURTI ESTA POSTAGEM SUA E MUITO VIU?
    PASSA NO MEU BLOG

  6. TFS
    13 setembro, 2008 às 1:06 am

    e isso ai cara uma coisa que tava faltando no brasil e no mundo era isso uma serie de televisao pra mostrar que ser gay nao e o fim do mundo e que se pode viver normalmente gostando de pessoas do mesmo sexo seu blog e muito legal mesmo muito top

  7. ricardo
    21 setembro, 2008 às 12:42 am

    Achei muito legal isso que fez, homenagear uma grande série gay se não a melhor de todas dessa maneira, uma vez que QAF trata de forma natural a homossexualidade, eu assisti a série quando ela foi exibida no Brasil no canal Cinemax, comecei a assistir a série por caso mudando de canal durante a madruga ai quando resolvi prestar a atenção e descobri essa grande série que foi de grande importancia pra eu poder me conhecer e me aceitar e descobrir que ser gay não nos torna piores ou melhores apenas continuamos ser humanos normais, que são capazes dos atos mais bonitos e tbm dos atos mais feios, por isso dou a vc os parabéns de verdade pq essa sua homenagem a serie realmente é mais do que merecida, a ia me esquecendo continue assistindo a série pq vc irá se surpreender!!!!!!!!!!!!!! Um grande abraço!!!!!!!!

  8. Regininha
    27 setembro, 2008 às 1:11 pm

    Olá Mauricio

    Sou do Brasil e conheci QAF muito por acaso tem 2 semanas. Sou hetero mas já namorei uma garota alguns anos atrás, então para mim preconceito nunca foi algo que tive. Sou totalmente aberta ao amor. Vendo uns clips no youtube cheguei ate um canal q tem as 5 temporadas em espanhol, o que me ajudou a entender melhor também toda a trama.
    Eu entendo bem sua vontade de não assistir todas as temporadas. Sinceramente, eu não sabia do que se tratava e q esta série tinha acabado, senão possivelmente também não teria acompanhado tanto. E saber que Justin e Brian não se casaram no fim como estava programado confesso que me tirou o sono. Não que fosse uma surpresa, mas meu coração romantico queria muito isto.
    Terminei ontem de ver a 4° temporada e estou agora criando coragem para ver a ultima. Mas não consigo.
    Ja vi algumas imagens e estava tão feliz de enfim depois de tudo o que aconteceu do tanto que Brian mudou e enfim assumiu seus sentimentos por Justin eles terminarem separados….
    Sei que este fim nos dá mil possibilidades. Ambos seguem se amando e suas condições financeiras lhe dão a oportunidade de estarem juntos sempre que quiserem. Não é o casamento que garante o “felizes para sempre” e eu bem sei que este “sempre” quase nunca existe.

    Bom, gostei muito da matéria.
    Desculpe o desabafo.

    beijos

  9. Diego
    23 janeiro, 2009 às 12:19 pm

    A melhor série gay até então exibida, equanto a Dante’s COve pra min foi uma das piores, devemos lutar por series que eduquem e tenha diversão ao mezmo tempo, e QUEER AS FOLK me ajudou muito e tenho certeza que ajudaria mais e mais pessoas sobre o que sentem. eu tenho 17 anos e hj posso dizer que eu sou gay sim e não tenho mais medo nem vergonha disso, eu me amo e QAF me fez ver isso. e desejo que mais jobens tenham a oportunidade de saber o que eu sei, e mais pais e mae não cometam os erros que fazem seu filho se torna um homoxessua deprimido e medroso.

    MAIS QAF’S, a serie deveria continuar mezmo que pra isso eles tenho que passar alguns anos e mudar alguns personagens ou entao deveriam criar uma QAF com o GUS, aoeioeaioaeioae, muitos parabens para todos atores produção e todos que fizeram parte da primeira e melhor serie dramatica gay.

  10. Aline
    16 junho, 2009 às 11:39 pm

    Oi gente!!
    Amo de paixão a serie Queer as Folk e todos os personagem!!!
    Então eu to montando uma pasta pra guardar de recordação dessa linda, divertida e emocionante serie que agora faz parte da minha vida…rsrss…clichê né?
    Ai pensei que se alguem tiver assim qualquer coisa que possa me mandar pra eu adicionar na minha pasta, assim só por gentileza poderia me mandar.
    entao pode mandar pro meu e-mail.
    La vai line_jsilva@hotmail.com.
    Ficarei muito grata!!!!
    Bjos ^^ ….

  11. Wellington
    6 julho, 2009 às 3:29 pm

    A série mais fantástica já feita sobre o assunto. QAF tratou o assunto da melhor forma possível. Pena que acabou. Poderia continuar.

  12. Patrick
    16 julho, 2009 às 8:56 pm

    meu nome é patrick e tenho 15 anos(novo de mais para uns).Apesar da idade já me considero bem maduro. Muitas coisas que eu aprendi em termos de relação social e amorosa foi assintindo a série, ela teve tudo o que precisava ter, tratou de um tema importante a ser discutido de uma forma natural, trazendo divertimento para quem a viu, além de ensinar a pessoas a como lidar com a sua sexualidade, e como lidar com a sexualidade dos outros sem preconceito e discriminação.
    Qual minha nota para queer as folk?
    Não existe nota justa para QAF, ela foi simplesmente a série mais perfeita que eu vi na vida.
    ABRAÇOS A TODOS

  13. Moonie
    25 novembro, 2009 às 8:19 pm

    Amo qaf de paixão do fundo do coração!!!! O amor de Bryan e Justin é um conto de fadas pos moderno. A amizade de Michael e Bryan sincera e honesta como uma verdadeira amizade tem q ser… Ted e Emmet pessoas comuns essencias para nossa existencia, q nos fazem rir e chorar e as vezes ao mesmo tempo. Aprendi mais como um casamento tem q ser c a Lindsay e Mellanie do q com muitos q vejo por ai, rs! Gente, uma mãe como Debbie é um presente p qqer gay as vezes um presente de grego, mas ela é fazia aquele bando de “fags” uma familia. Ela era muito especial!!! O Ben, grande cara q fez o Michael finalmente amadurecer… Agora me diga..tem como nao sentir falta dessa serie?? Com personagens tão bem construidos e tão cativantes. Nossa! 5temps de tirar o folego, de fazer rir, chorar, dançar!!!
    Bem, eu só assisti a 1temp no cinemax, no qual eu vibrava só de ver a propaganda de q iria estrear essa serie maluca, nem imagina o vinha por ai. Mas quem lembra sabe, como era emocionante ver Bryan, Michael e justin correndo no corredor do hospital p ver o filho de Byan kkkkkkkkk….AI Q SAUDADESSSS!!!!!!!!
    Ah, as outra temps minha prima me presentiou,:P
    PS: Sera q existe um cara com a beleza e personalidade inteligente, arisca de Bryan ou será apenas desejo do criador da serie q um cara desses exista????

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: