Início > lost > Lostiando.

Lostiando.

Lost: 3×13 à 3×20

Ufa! Desta vez foram oito episódios com muitos acontecimentos. Acontecimentos que me fizeram mudar de opinião ou ver com outra visão vários personagens, e isso várias vezes.

É inacreditável de com eu fui para bem em uma hora crucial na semana passada, parei de ver os episódios no exato momento em que a Kate, Sayid e Locke encontrar o Jack na maior confraternização com Outros, que aproposito eu prefiro chamar de Hostis.

Quando comecei a assistir o episódio treze da temporada, o episódio que mostra o Jack do lado do Hostis. Comecei a sentir um tremenda raiva desse “banana”. Parece que toda a cativação que ele tinha conseguido de mim tinha ido naquele momento por água à baixo. Por isso, eu acabei vibrando com John Locke, ele que sempre faz uma “h-gadas” gigantes, para não fugir do costume, fez mais uma, só que desta vez eu aprovei. Já que ele acabou com o sonho do “doutor”. Outro personagem que me fez mudar de opinião momentaneamente foi Juliet, mas só por um momento, já que é impossível (na minha opinião) odiar ela.

Como eu disse nos meus review anteriores, estou adorando o Desmond, ou Desmondo com o Harley chamou certa vez. E, falando em Hurley, eu achei que ele o personagem deu uma tremenda melhorada esses episódios, o personagem acabou ficando mais centrado e sério, parou de ser aquele gordo-bobo. Acho que não fui só eu que gostei da brincadeira que o Hurley fez com o Sawyer?

Essa ligação de Lost são de matar, não? Como se a Austrália fosse do tamanho de um ovo de cordona, o Saywer já encontrou o pai do Jack, Hurley e Charlie já se esbarram no hotel, isso entre outras inúmeras coincidências, como Claire e Jack serem irmãos, e as mais recentes, Kate encontrar a ex-namorada do Sawyer e uma ajudar a outra. Também, o pai do Locke, ser o Saywer que o James tanto procurava. Putz… pelo menos aquele velha está morto agora. Foi só eu que achei o pai do Locke seria no máximo o irmão mais velho dele?

Que fim arranjaram para o Rodrigo na série, não? Coisa, mais esquisita… Mas, que foi de tirar o fôlego foi, ver os olhos da Kiele se abrindo, e o Sawyer e o Hugo jogando areia em cima dela, foi bem legal e chocante. Falando na Kiele, em Lost ela estava bem menos pior que em “Samantha Who?”, em Exposé ela até que mandou bem. E, já que eu citei Exposé… O episódio foi bem legal, ver alguns personagens que já tinham morrido e tudo mais, só queria de visto o Libby. Que ridículo, mas eu não poderia deixar de citar “Razzle Dazzle!”.

E, temos uma nova personagem na ilha, Naomi Dorrit, na hora que eu a vi até pensei que era uma “Pussycat Doll” que tinha caído do seu avião depois de um show. Como eu já li alguns spoilers, – Bendita Lostpédia – Sei que ela não irá ter uma vida longa dentro da série, e sei também está mentindo. Mas, acho que isso não irá estragar as surpresas…

Assim como no semana passada, em que eu parei de assitir bem na hora em que o Jack é isto com os Hostis. Nessa semana eu parei de assistir, no exato episódio em que o Locke leva um tiro do Ben, e cai na cova do pessoal da iniciativa Dharma. Será que eu agüento até semana que vem? E, meu Deus, Jacob?!

Eu já assistir o sneak peek do 3×21, pelo que eu vi a coisa promete.

Categorias:lost Tags:
  1. 18 junho, 2008 às 5:23 pm

    Olá! Lost é demais nao é?!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: